Ainda não tem votos

easyJet celebrou o Dia do Livro com iniciativa inédita

A easyJet comemorou o Dia Internacional do Livro (23 de abril) surpreendendo os seus passageiros com a presença de Luís de Camões e Miguel de Cervantes em dois dos seus voos. Durante o voo Lisboa-Madrid, "Camões" leu alguns dos melhores versos dos Lusíadas a bordo, enquanto de Madrid para Lisboa foi "Cervantes" quem leu um excerto (em castelhano) da sua mítica obra, D. Quixote de la Mancha, deleitando uma original e atenta plateia.

O ator Pedro Silva, caracterizado de Camões, rumo a Madri, e de Cervantes no regresso a Lisboa leu e interpretou excertos das obras destes célebres autores, comemorando assim o Dia do Livro a 30.000 pés de altitude. "Nunca tinha tido oportunidade de fazer teatro a bordo de um avião, e adorei a experiência. É importante dar a conhecer obras de autores tão grandes como Camões ou Cervantes, e assim desta forma descontraída, quem nunca leu os Lusíadas ou D. Quixote ficará de certeza com o apetite aguçado", adiantou o ator.

Beatriz Fernández, diretora de Marketing da easyJet para Portugal e Espanha afirma, "Voar não tem de ser uma mera viagem e por isso, pensando na celebração do Dia do Livro, quisemos aproveitar e surpreender os nossos passageiros com um voo diferente e divertido."

A rota Lisboa-Madri não foi escolhida aleatoriamente: Entre 1542 e 1545, Camões viveu em Lisboa, trocando os estudos pelo ambiente da corte de D. João III, onde conquistou fama de poeta e feitio altivo. Madrid por seu lado é a cidade onde nasceu o famoso escritor espanhol e Lisboa a cidade em que viveu por volta de 1581 trabalhando na corte de Filipe II.

Publicar novo comentário

O conteúdo deste campo é privado e não será mostrado publicamente.
CAPTCHA
A pergunta é para sabermos se você é um ser humano, e evitar o envio de spams
Image CAPTCHA
Digite os caracteres que aparecem na imagem.