Procurar

Aprovada a Convenção Marco da OMT sobre Ética do Turismo

25-09-2017

Aprovada a Convenção Marco da OMT sobre Ética do Turismo

Os Estados Membros da Organização Mundial do Turismo (OMT) têm aprovado um documento histórico -a Convenção Marco da OMT sobre Ética do Turismo.

O documento, aprovado na vigésima segunda reunião da Assembleia Geral da OMT, é o resultado da transformação do Código Ético Mundial para o Turismo numa convenção internacional, a primeira criada no seio da OMT desde sua criação.

A Convenção contempla as responsabilidades de todos os agentes do desenvolvimento turístico sustentável, e facilita um âmbito que recomenda um modus operandi ético e sustentável mediante, entre outras medidas, o respeito pelo direito ao turismo, a liberdade de movimento para os turistas, e os direitos dos empregados e os profissionais.

«Num mundo interconectado onde o volume de negócios do turismo tanto faz ou inclusive superior ao das exportações de petróleo, os produtos alimentares ou a indústria automobilística, é essencial estabelecer um marco jurídico que garanta um crescimento gerido de maneira responsável, com a capacidade de se manter em longo prazo. O turismo alberga um potencial que se deve aproveitar em benefício de todos», disse o presidente do Comité Mundial de Ética do Turismo (WCTE), Pascal Lamy.

Nomeado presidente do CMET em 2013, Pascal Lamy, junto com o resto de membros do Comité, têm desempenhado um papel fundamental no processo de apresentação da Convenção Marco sobre Ética do Turismo na vigésima segunda reunião da Assembleia Geral da OMT.

A conversão do Código, adoptado em 1999, numa autêntica convenção, representa um passo de soma importância para garantir que o desenvolvimento turístico tenha em conta e respeite cabalmente o desenvolvimento sustentável, os aspectos sociais e o desenvolvimento das comunidades locais, melhore o diálogo intercultural e contemple sua vinculação com o emprego digno.

«Este é um momento histórico para a OMT», disse o secretário geral, Taleb Rifai. «A aprovação da Convenção supõe um extraordinário legado do Ano Internacional do Turismo Sustentável para o Desenvolvimento, que celebramos neste ano. Assim mesmo, reflete claramente o compromisso dos países a transformar o turismo num motor de mudança que propicie um futuro melhor para todos. Consolida assim mesmo a presença institucional da OMT no seio do sistema das Nações Unidas», acrescentou.

A Assembleia Geral da OMT tem contado com o patrocínio de Union Pay International e de CNN.

Esta web utiliza cookies para obtener datos estadísticos de la navegación de sus usuarios. Si continúas navegando consideramos que aceptas su uso. Más información
Aceptar